BrinquedosCarrinhos e CiaControle RemotoCarrinho de Controle Remoto Eagle Eye Candide
-14%

Carrinho de Controle Remoto Eagle Eye Candide

Click

Referência: 06.07.01.0006

Descrição do produto

Carrinho Eagle Eye com controle de 7 funções e movido a pilhas. Perfeito para os garotos que adoram brincar com controle remoto.
De
R$ 109,00
Por
R$ 93,90
até 2 x de R$ 46,95
sem juros
Economize R$ 15,10
Quantidade
  • Loading interface...
  • O prazo para troca ou devolução é de até 7 dias corridos, contados a partir do dia seguinte que você recebeu o produto. Confira as regras clicando aqui

  • Ela só será aceita caso o produto esteja na embalagem original, sem sinais de ter sido usado, sem violação do lacre original do fabricante e com nota fiscal.

  • CYBELAR

    Ver outras opções de loja

    Descrição do produto

    Carrinho Eagle Eye com controle de 7 funções e movido a pilhas. Perfeito para os garotos que adoram brincar com controle remoto.

    Ficha técnica

    PropriedadeEspecificação
    Modelo
    Eagle Eye
    Marca
    Candide
    Fabricante
    Candide
    Conteúdo da embalagem
    01 Carrinho - 01 Controle - 01 Manual de Instruções
    Garantia (meses)
    3
    Certificações
    Inmetro: CE BRI/ICEPEX-I 01291-46-4

    A Cybelar.com não se responsabiliza pela montagem, reparos ou instalação dos produtos. Importante! Sobre a montagem/instalação de móveis Nós não montamos os produtos. O serviço de montagem deve ser contratado pelo cliente. O atendimento sobre trocas e devoluções, ou a solicitação de peças após a montagem, será válida apenas para produtos que apresentarem problemas de fabricação. Para os produtos que apresentarem problemas de fabricação, você poderá pedir a Troca ou Devolução e ainda solicitar peças depois da montagem. O prazo para solicitações é de até 07 dias corridos, após a entrega do produto. Fotos ilustrativas. As escalas de redução não são proporcionais. Os objetos de decoração que aparecem nos produtos em oferta, não estão incluídos nos preços dos mesmos. Reservamos o direito de corrigirmos erros gráficos.

    Quem viu, viu também